Editorial

Antonio Adonias Aguiar Bastos

Resumo

Eis que chega a vez do terceiro número da Revista ANNEP de Direito Processual.

Com periodicidade semestral, a Associação Norte-Nordeste de Professores de Processo (ANNEP) se esmera em manter a constância da sua publicação especializada, cujos textos são submetidos pelo sistema de dupla revisão às cegas, diretamente pelo sítio eletrônico da revista na internet (https://revistaannep.com.br/index.php/radp) por meio de sistema especificamente desenvolvido para esse fim.

Aos poucos, a publicação vai amadurecendo e se estabelecendo entre os estudiosos do Direito Processual.

Neste número foram selecionados textos que versam sobre os mais variados temas. Lucas Buril de Macêdo escreveu sobre a anulação como resultado de recursos cíveis. Guilherme César Pinheiro tratou das soluções autocompositivas de litígios coletivos, analisando criticamente dos Projetos de Lei n.º 4.441/2020 e n.º 4.778/2020. Nilsiton Rodrigues de Andrade Aragão abordou o devido processo legal na conciliação e na mediação judicial. Fabio Victor de Aguiar Menezes cuidou dos julgamentos por amostragem ante o contraditório. Giovana Beatriz Schossler fez interessante estudo sobre o acordo de não persecução penal e sua aplicabilidade no âmbito do Poder Judiciário a partir da vigência da Lei 13.964/19. Alana Gabriela Engelmann explorou um tema que está na ordem do dia: o uso do algoritmo como instrumento de construção da decisão judicial e a necessidade de supervisão do uso da tecnologia no processo de tomada de decisões. Mantendo o elevado nível dos textos, Vinicius Silva Lemos escreveu sobre a decisão parcial sem mérito e as suas hipóteses. Esperamos que o público aprecie os artigos e que sejam úteis tanto na vida acadêmica de cada leitor como na lida com os casos concretos, seja na Advocacia, na Magistratura, na Promotoria, na Procuradoria e nas demais Profissões da área jurídica.

Agradecemos imensamente a toda a equipe envolvida na publicação, especialmente aos avaliadores que dedicaram o seu tempo e o seu conhecimento para analisar os textos que foram submetidos à publicação nesse número. O seu espírito de equipe traduz o ânimo que marca a Associação de propiciar o crescimento mútuo de todos e o desenvolvimento da ciência processual. Somos-lhes muito gratos.

Fica o convite para que todos participem dos próximos números!

Salvador, Bahia, julho de 2021.

Antonio Adonias Aguiar Bastos
Presidente

Gisele Santos Fernandes Góes
Vice-Presidente

Frederico Augusto Leopoldino Koehler
Secretário Geral

Rosalina Freitas Martins de Sousa
Diretora de Pesquisa

Clarissa Vencato da Silva
Diretora de Relações Institucionais

Gabriela Expósito T. M. de Morais
Diretora de Publicações

Paula Sarno Braga
Diretora de Ensino

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.